quinta-feira, 10 de março de 2011

"Renda feminina cresce mais do que masculina no Nordeste"




Saiu na Folha online:





Renda feminina cresce mais do que masculina no Nordeste



CLAUDIA ROLLI

VERENA FORNETTI

DE SÃO PAULO



A renda das mulheres cresceu mais do que a dos homens em três regiões metropolitanas do Nordeste pesquisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio-Econômicos) em 2010.



Em Fortaleza, Recife e Salvador, enquanto o rendimento feminino por hora avançou de 1,8% a 12,7%, o masculino variou de -0,2% a 9,7%.



Nas outras regiões do país, a renda feminina também avançou, mas em São Paulo e em Porto Alegre o incremento foi menor do que o obtido pelos homens. Em Belo Horizonte e no Distrito Federal, a variação foi semelhante.



A renda feminina foi puxada, principalmente, pelo comércio e pelos serviços domésticos –o Distrito Federal e em Recife, a indústria também se destacou. Para os homens, a construção civil esteve entre os setores com maior alta na remuneração.



(…)

2 comentários:

  1. Boa notícia - tomara que melhore ainda mais. Bom seria se o crescimento atingisse também as mulheres do interior do Brasil na mesma proporção. No agreste - região de sertão, por exemplo, a situação é complicada. Mas só de ter havido avanços, melhora. Valeu, amigão.

    ResponderExcluir
  2. Muito bacana teu espaço...
    Já estou seguindo!

    " Analisando tudo, retendo o que é de proveito, pra ver se me recontruo ou fico guardado"

    Abraços do Rafah
    http://eternizadoempalavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Versiculo Biblico